Quem sabe a dor de perder alguém conhecido?

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010


Ultimamente tenho sentido isso, se separar de alguém que por muito tempo esteve ao seu lado, de forma direta ou não, é muito difícil.
Independente da forma que ela se foi.
Primeiro você recebe a noticia, depois você tenta entender, muito tempo depois você acorda e percebe toda aquela situação em volta, e pensa: “Poxa, aquela pessoa que eu gosto muito, sempre esteve ao meu lado, foi embora”. “ Assim, sem mais, e agora? Não vou vê-lo (la) outra vez?”
Cada dia que passa, temos a sorte de conhecer novas pessoas, algumas são só conhecidas, outras, com o tempo, passam a estar sempre ao seu lado, outras, mais ainda, não saem mais da sua vida. Mesmo conhecendo essas pessoas, não podemos esquecer das antigas, aprendi isso com Lara. Independente do que tenha acontecido,mesmo que essa pessoa deixou de ser tão importante, não esqueça dela, pois lembre de tudo que ela já fez por você um dia.
A amizade hoje em dia é um coisa muito rara. Tenho muita sorte por ter amigos que eu sei que gostam de mim, e que isso é recíproco. Mas sei que nem com todos isso é bem assim.
Hoje a amizade é uma coisa muito banal, cheio de "Eu te amo", "você é meu best",mais na hora que você precisa mesmo de um amigo, cadê aquele que te disse sempre estar ao seu lado? Aquele que disse ser seu "best"?

Por isso, dêem valor aos seus amigos, de atenção sempre que puder, e tudo mais possível, pois ele um dia vai estar lá, pronto pra resolver seu problema, ou mesmo pra fazer aquela besteira que passa pela sua cabeça. Porque amigos são pra essas coisas ;)

Tárcio Cardoso

3 comentários:

kamigf disse...

falou bonito tárcio :D

Jorge disse...

brigado pela parte que me toca tárcio

Rafael Sena ;D disse...

Quase um Marcus Everson